FORGOT YOUR DETAILS?

CREATE ACCOUNT

A resposta a esta questão pode ser sim, ou não. É mais um daqueles cenários de “tudo depende”. Isto é devido ao facto que existem, basicamente, 2 tipos de ‘pés planos’: ‘Pés Planos Rígidos’ e ‘Pés Planos Maleáveis’.

Alguns bailarinos (e pessoas no geral) têm verdadeiros ‘pés planos’screen-shot-2016-09-27-at-2-11-22-am.
Isto está geralmente relacionado com
o tipo de pés que os teus pais têm, e, até pode depender da tua nacionalidade e origem. Alguns bailarinos irão apresentar um arco com uma curva mais plana quando na posição de pé, devido à forma dos seus ossos dos pés, e, não obstante quão fortes os pequenos músculos dos pés se tornam, a forma do pé não se irá alterar significativamente.

Se este é o caso, o trabalho de pontas ainda é possível, desde que cumprasscreen-shot-2016-09-27-at-2-15-34-am com todos os outros requisitos para pontas. Em pontas, os teus pés podem não ter a linha muito arqueada que muitas raparigas ambicionam, contudo, estarás, ainda assim, razoavelmente segura nas pontas. A rigidez dos ligamentos irá ajudar a estabilizar o pé, apesar continuares a precisar de ter um bom controlo de todos os pequenos músculos do pé, de modo a conseguires ‘dizer’ aos teus pés o que fazer!

Muitas bailarinas que dizem ter ‘pés planos’, na verdade, têm pés que aparentam ser planos porque têm ligamentos muito hiper-extensos e ainda não sabem utilizar os pequenos músculos dos pés, para controlarem o arco plantar. Quando o pé ‘rola internamente’, chama-se de pronação. É comum utilizar-se ortóteses na escola ou em sapatilhas de corrida, para ajudar a controlar a posição dos pés. Este tipo de pé pode ficar fantástico em pontas quando é muito forte, contudo, não deves progredir para as pontas enquanto o teu pé ainda é fraco e ainda não és capaz de controlar a correcta posição do arco plantar.

Este tipo de pé muitas vezes tem uma aparência bonita (ou muito bonita!) na posição de meia-ponta, porém, o arco irá abater quando desces dum rise. Necessitas de realizar muitos exercícios específicos de fortalecimento do arco plantar e de controlo isolado dos músculos que suportam e controlam os dedos, antes de iniciares o trabalho de pontas. Bailarinas que tenham este formato de pé, geralmente, têm muita mobilidade em outras partes do corpo, particularmente com hiperextensão dos joelhos e costas flexíveis.

Para avaliar adequadamente ‘pés planos’ é preciso aptidão e prática, e, é idealmente realizado por um profissional de saúde treinado. Em vez de simplesmente olhar para o arco, é importante verificar toda a estrutura e força do pé, para avaliar o quanto pode ser corrigido através de exercícios de fortalecimento.

 

TPPB_Banner_portugese

Join The Ballet Blog Community & Receive 10% Off Your First Order!

TOP